sábado, 8 de janeiro de 2011

Corte de cabelo infantil

Desde a gravidez, quando soube que era um menino, que eu encontro dificuldade  para comprar roupas e acessórios para ele, afinal parece que a moda é só para meninas, cada vestido e sapatinho que vejo na vitrine, ai que fofura! Mas o pior estava por vir, o corte de cabelo.
Após definir o corte havia um problema o Felipinho assustava com o ambiente e com a tesoura do cabeleireiro, por isso procurei por um lugar que trabalhasse apenas com crianças e conheci o Arco-iris Cabeleireiro, no Cambuí.
Lá o meu filho se diverte em um ambiente especial para crianças com brinquedos, revistas e prirulitos enquanto corta o cabelinho.
Na região de Campinas há poucos salões profissionais de cortes infantis. Esta seria uma excelente dica para quem deseja abrir um negócio!


Veja o que achei na internet (não lembro qual site foi):



Cortes infantis femininos. Foto:Divulgação

Para as meninas, os cortes vão desde curto ao mais longo.

O mais curtinho é ideal para o verão! Proporciona leveza e frescor para a criança, evitando que a aborreça com o calor da estação.

O corte deve ser arredondado e é indicado para cabelos ondulados. A franja também deve ser curta, podendo variar penteando de um lado para o outro.

O curtinho deixa o rosto da criança a mostra, além de ser moderno e prático.

Pode-se prender presilhas do lado da cabeça segurando a franja, dando um toque especial para o visual!

Analise o corte mais prático para a sua filha!


Chanel com franja para as crianças. Foto:Divulgação


Outro corte bem moderno é o chanel com franja!

Este é indicado para os cabelos lisos e crianças de rosto mais fino. O chanel pode ser mais curto ou na altura dos ombros. Para os rostos redondos, prefira um corte mais longo e levemente desfiado.

As pontas devem ser desfiadas para garantir mais leveza ao corte.

A franja precisa ser curta, no máximo na altura da sobrancelha para não cair sobre os olhos e atrapalhar a visão da criança.

Se o rosto da criança é pequeno e não sobra espaço para uma franjinha é preferível que deixe a franja comprida, na altura que dê para colocá-la atrás da orelha.


Corte infantil para cabelos crespos. Foto:Divulgação


Para os cabelos crespos, o corte deve ser arredondado e levemente desfiado para controlar o volume.

As franjas não são indicadas, pois podem ficar muito volumosas, ainda mais no caso de fios mais rebeldes.

O comprimento ideal é aquele que permite prender a cabeleira sempre que for necessário, para não atrapalhar a criança na hora da refeição ou das brincadeiras.

Se sua filha reclama quando tenta desembaraçar o cabelo dela, saiba que já existem cremes sem enxágüe específicos para crianças que ajudam a desembaraçar sem choro!

Para ganhar a confiança da criança na hora do corte, evite mostrar a tesoura e a palavra “cortar”, para não remeter a algo que machuca.

Mostrar cada passo para a criança no espelho e afirmando que a criança esta ficando cada vez mais bonita e fundamental!

Cortes infantis masculinos:

Cortes infantis masculinos. Foto:Divulgação

O segredo que vale tanto pras meninas quanto pros meninos é desfiar o cabelo para não marcar e nem ficar muito volumoso.

Quanto mais desfiado o corte, mais leveza e praticidade para a sua criança!

O já conhecido corte tigela pode ganhar outras formas e uma versão mais moderna, se for bem repicado.
Repartindo o cabelo de lado e “bagunçando” os fios com pomada modeladora de efeito seco (confira na embalagem as informações), vai garantir o sucesso de seu filho em festinhas de aniversários e passeios com a família!

Peça para o pai acompanhar a criança ao cabeleireiro, pois elas costumam imitar o corte dos pais, assim incentivará em caso de resistência de ir ao salão.

Cortes infantis modernos. Foto:Divulgação

Outra opção bem moderninha é deixar as laterais mais batida, ou seja, com menos volume e desfiar em cima, alterando bem pouco o comprimento.

O corte é similar ao moicano, adorado pelos meninos! Além de divertido, a criança se sente melhor e sempre com vontade de voltar ao cabeleireiro.

Modele os fios com a pomada para garantir o visual despojado!

É fundamental perceber se a mãe é moderna e se o corte combina com a personalidade da criança, que geralmente deve ser extrovertida!

O corte de uma criança deve durar em média, 20 minutos para que ela não perca a paciência com a demora.


Corte infantil. Foto:Divulgação

Os cabelos cacheados dos meninos devem sempre manter o corte curto, para facilitar no dia a dia.

Para manter os cachinhos sempre saudáveis, a higiene diária é fundamental!

As crianças de 8 anos de idade, já pode fazer hidratações nos salões de beleza, com produtos que não mudam a estrutura dos fios.

Se a criança resistir para cortar o cabelo, ofereça brinquedos, música, um lugar arejado e cadeirinhas divertidas que ajudam a entreter os mais pequenos.

Em vez de lavar os cabelos, apenas umedeça com um borrifador.

Cortar o cabelinho do filhote no colo da mãe também é uma alternativa para que ele fique tranqüilo.

A partir dos 5 anos de idade, as crianças começam a observar os cabelos dos coleguinhas de escola e já podem escolher o próprio corte de cabelo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário